BEAUTY

dermaroller

Mai 13, 2016 teamgunn
Gostava muito de ter 20 mas saber o que sei hoje e infelizmente ainda não descobriram a fórmula mágica de voltar atrás no tempo. Ainda assim é apenas uma questão cronológica de idade pois não abdicaria de nada do que tenho, de nada do que consegui, de nada do que construí (e destruí), cometeria os mesmo erros e faria tudo da mesma forma.
Tretas de lado, que os meus 25 anos são adultos e maduros mas tenho de cuidar deles para os manter eternamente. Brinco com a idade mas não brinco com a pele. Temos idade de nos preocuparmos com rugas e com pele flácida. Sabemos que os 20 não são eternos e que não adianta achar que se não me cuidar vou ficar igual, porque não vou; ou tretas do género tenho uma ‘pele hereditariamente boa e não preciso de nada’; ou ainda, ‘eu gosto de mim como sou e não uso nada disso’ mas logo a seguir crítico pejorativamente  a amiga ‘ela tem uma pele maravilhosa, fez qualquer coisa só pode’. Não é com estalar dos dedos que conseguimos resultado e de facto que tenho aprendido é que a base primária para uma pele cuidada (e não necessariamente sem rugas, podemos perfeitamente ter uma pele enrugada mas cuidada e bonita, como a Iris Apfel, um ícone já falado aqui) é a disciplina. Uma rotina de limpeza e hidratação diária é fundamental. 
Muitos são aqueles que questionam o que raio faço na ‘Elisabete’ (Gabinete de estética Elisabete Ribeiro)? Será que se tomo uns comprimidos milagrosos? Ou
 será que me pico com Botox (não tenho nada contra, que fique escrito)? De vez em quando até me picam, confesso, mas é com dermaroller. hahaha 🙂 [ou então picam-me e levam-me aos arames mas rapidamente expludo e mando bombas para todo o lado; acertei em alguém?! aqueles que são meus têm o escudo do Sangoku os outros, azar, é porque mereciam!].

Já experimentei vários cuidados de beleza e entre os meus preferidos estão a radiofrequência e o dermaroller. Um rolinho com microagulhas (eu disse que me picavam) que promovem a renovação celular. Sim fica-se vermelho, sim produz pequenas lesões mas é propositado no sentido de aumentar a produção de colagénio. Saio de lá vermelha como pimento (adoro pimento, assado então…hummm), com a sensação de pele esticada por molas e uma necessidade enorme de creme, muito creme. A pele entra em processo de regeneração e cada ponto será preenchido com um novo tecido, nesta altura entram os ditos séruns de tudo e mais alguma coisa, colagénio, retinol, ácidos, muitas bombas e cocktails para a pele. Ando fã à séria dos produtos da Biopeptix, não têm o melhor aspecto na embalagem, estou sempre a dizer que parecem medicamentos, mas o cheirinho, a cor e a eficácia estão lá! Amo de paixão, como diz alguém que eu conheço, mas deixo isto para outro post. 😉

 

dermaroller dermaroller 1

dermaroller 5 dermaroller 6 dermaroller 7
dermaroller 9 dermaroller 10 dermaroller 11 dermaroller 12 dermaroller 13 dermaroller 14 dermaroller 15 dermaroller 16

dermaroller 18 dermaroller 17
dermaroller 19 dermaroller 20
 dermaroller 4